Como não perder dinheiro no Tesouro Direto? Erros comuns do investidor

Marilia destaca as inúmeras vantagens de investir no Tesouro Direto e como não perder dinheiro ao aplicar nessa modalidade de investimentos

Marilia Fontes 03/02/2024 12:00 1 min Atualizado em: 05/02/2024 11:25

Na mais recente análise, Marilia Fontes, especialista em renda fixa, revela os principais equívocos cometidos por investidores no Tesouro Direto, a forma mais popular de investimento em renda fixa.

A analista destaca as inúmeras vantagens de investir no Tesouro Direto, oferecendo insights valiosos sobre a escolha dos títulos ideais para a reserva de emergência.

Ela ainda desmistifica as taxas envolvidas, abordando os melhores fundos de previdência disponíveis e revelando um custo muitas vezes negligenciado pelos investidores.

Receba conteúdos e recomendações de investimento gratuitamente

Obrigado pelo seu cadastro!

Acompanhe nossos conteúdos por e-mail para ficar por dentro das novidades.

A especialista enfatiza que um dos erros mais comuns é a falta de compreensão de que o Tesouro Direto abrange uma variedade de títulos com diferentes vencimentos e indexadores.

Além disso, ela aborda a marcação a mercado nos títulos IPCA+ e prefixados, alertando para a necessidade de atenção aos custos associados ao investimento. Não perca este guia essencial para otimizar seus investimentos no Tesouro Direto.

Tópicos Relacionados

Compartilhar

Background Page